• Redação

Caso Vitória Gabrielly: Júlio Ergesse escreve carta para Beto Vaz, pai da menina


Júlio Ergesse, o pedreiro condenado a 34 anos de prisão pela morte da Vitória Gabrielly, em junho de 2018, em Araçariguama, enviou uma carta a Beto Vaz, o pai da menina.

Preso na Penitenciária de Tremembé, Júlio afirma na carta que o amigo que o denunciou seria o responsável pelo crime e que o homem estaria foragido. Em outro trecho, ele afirma que não foi feita a perícia em um carro azul.

Beto explicou que o papel chegou a ele por meio de uma pessoa da cidade que estava presa na mesma unidade em que Júlio. Essa pessoa, segundo o pai de Vitória, teria já algum tempo saído, mas demorou cerca de um mês pra criar coragem. “Tratou com um amigo dele e que me conhecia, que intermediou essa conversa”, disse.

Conforme a Polícia Civil, os pontos citados por Júlio foram investigados durante o inquérito e não apresentaram nenhuma ligação com o crime. A defesa do pedreiro não se pronunciou sobre a carta.


Além de Júlio, que foi condenado a mais de 30 anos de prisão pela morte da menina, o casal, Bruno e Mayara, aguarda a solução do caso detido em Tremembé, no interior do Estado. Júlio César, também preso em Tremembé, espera o julgamento do recurso que sua defesa promoveu contra a decisão do Tribunal do Júri da Comarca de São Roque que o condenou.


Crime que chocou o Brasil


Vitória Gabrielly foi morta em junho de 2018, quando a garota saiu para andar de patins na rua do bairro em que morava, e foi sequestrada por engano por três pessoas a mando de um traficante que cobravam uma dívida de um morador da cidade que tinha uma irmã com as mesmas semelhanças de Vitória.

Segundo os acusados da morte da jovem eles iriam levar a menina, até então sem saber que estavam com a pessoa errada, para dar um susto nela e no irmão da então vítima, que teria que pegar a dívida. Morta em um matagal, a jovem foi encontrada após uma semana de buscas, em uma área rural de Araçariguama. Segundo a perícia, a menina foi morta no mesmo dia que foi levada de carro pelos acusados.

Fonte: Gazeta de Araçariguama

803 visualizações

Institucional

Onde nos encontrar

Praça da Matriz, 38 - Centro - São Roque - SP
Cep: 18130-330

ACOMPANHE-NOS NAS REDES SOCIAIS

  (11) 9 3330-3094

  (11) 4712-9348

  • Instagram
  • Facebook - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • Twitter - White Circle

©2015 - radiocolunafm.com.br - Todos os direitos reservados