ANTT afirma que empresa não tinha autorização para viagem. Após acidente 4 pessoas morreram.

Foto: reprodução Internet

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) afirmou que a Serra Turismo, empresa do ônibus que levava um grupo com religiosos de Araçariguama para um encontro em Pernambuco, não tinha autorização para fazer viagens interestaduais e internacionais.

O advogado que representa a empresa disse que a Serra Turismo tem a autorização, está com a documentação em dia e, inclusive, conseguiu acionar o seguro para custear todas as despesas de transporte das vítimas e os traslados dos corpos, informou o portal G1 Sorocaba.

Além dos feridos que foram socorridos, quatro pessoas morreram após o motorista do coletivo perder o controle da direção e tombar o veículo.

O acidente foi na BR-116, na altura de Canudo, norte da Bahia.

Nove pessoas que estavam no ônibus já voltaram para Araçariguama, mas ainda precisam de cuidados médicos informou o portal Gazeta de Araçariguama.

Os corpos de Maria Aparecida Farias (Cidinha do Vale da Benção), do Pastor José Roberto Carvalho e da são-roquense Luíza Barbosa de Lima só devem chegar à região na noite desta quarta-feira, 22.

A viagem é por meio terrestre e deve levar até dois dias para a chegada. O velório está previsto para sexta-feira, 24.